WALTER MEDEIROS

walterm.nat@terra.com.br 




 

26.07.2011

 

DIAS DE AMOR E TENSÃO

 

--- Walter Medeiros* – waltermedeiros@supercabo.com.br  

 

Os anos 70 tiveram uma característica marcante na história recente do Brasil, por tratar-se de uma década decisiva para a superação do período ditatorial e o estabelecimento da democracia. Naquele tempo tivemos desde os pesados combates da Guerrilha do Araguaia à defesa das idéias de distensão (Detente), até a decretação da Anistia Política, embora ainda com a manutenção de alguns partidos na clandestinidade.

Os movimentos operário e estudantil tiveram um papel de valor incalculável para a conquista da liberdade. Como se sabe, era um tempo em que o Direito de Reunião era cerceado, como era censurada a Imprensa e até Habeas-Corpus tinha limitações autoritárias, tudo sob a alegação da vigência da famigerada Lei de Segurança Nacional.

Em meio àquelas lutas diárias, dos aparelhos clandestinos, dos sindicatos às salas de aula e corredores dos campi, encontrávamos bravos lutadores que hoje não estão mais entre nós e merecem reconhecimento e homenagem pelo que fizeram - cada um a seu modo e em suas funções. São os casos, entre outros, de Sérgio Dieb, Goretti Lucena, Manoel do Vale, Juraneide Silva, Ceres Gomes, Rogério Cadengue, Petrextato Cruz.

Neste 26 de julho de 2011 faz 21 anos que o Rio Grande do Norte foi surpreendido pela triste notícia da morte de Glênio Sá e Alírio Guerra, dirigentes do Partido Comunista do Brasil – PC do B, que estavam em campanha política pelo interior e foram vítimas de um acidente com o fusca em que viajavam à altura da cidade de Jaçanã. A referência mais forte de que me recordo foi do Diário de Natal, que estampou: “Morrem os caminhantes dos sonhos”. Glênio foi guerrilheiro no Araguaia e Alírio foi membro da Aliança Popular – AP. A liberdade era o sonho deles.

Também neste dia o Estado brasileiro realiza, em Xambioá/TO, trabalhos de busca dos corpos de desaparecidos políticos da Guerrilha do Araguaia. As atividades são acompanhadas por equipe técnica pericial, familiares dos mortos e desaparecidos da guerrilha e representantes do Ministério Público Federal. O Grupo de Trabalho Araguaia foi criado pela Portaria Interministerial N. 01/2011. É coordenado conjuntamente pelos ministérios da Justiça e Defesa e pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR). As atividades na região prosseguirão até o dia 4 de agosto. Amanhã (27), a Ministra de Estado Chefe da SDH, Maria do Rosário, estará no local para acompanhar a expedição.

Em vista dessa necessidade de resgate histórico e humano, fazemos aqui esta homenagem, através da lembrança e divulgação de fatos e nomes importantes para compreensão daquela época da nossa história. E a partir de agora vamos divulgar artigos sobre a nossa vivência naquela época com aqueles revolucionários que fizeram a sua parte com coragem e bravura. A participação de todos eles contribuiu para que o Brasil saísse daquele período negro de ditadura e passasse a decidir seu destino com as sonhadas e conquistadas liberdades democráticas.

---

*Jornalista em Natal/RN

 

 


ESPECIAL - DIA DA POESIA 2011 - JAPÃO/TSUNAMI

 
   

COLUNAS ANTERIORES

CRÔNICAS E OUTROS ARTIGOS

ARRAIÁS DA MEMÓRIA

 

LÁGRIMAS NAS ESCADARIAS

Irmã Dulce e o tumulto

ADEUS 2010; FELIZ 2011

VANGUARDA FEMININA

BELA PÁGINA MUSICAL 

CARTA AO MEU FILHO

HISTÓRIA DO RÁDIO

O QUE NATAL DEVE A MARILENE DANTAS

AMOR À CHILENA

O HOMEM DO IBGE

O BEM-TE-VI E OUTROS PASSARINHOS

UMA CORTINA SEM FIM

GRANDEZAS DO ARAGUAIA

HIGIENE MENTAL E LIXO

ANISTIA PARA LUIZ, ONDE ESTIVER

OS GATOS DO CALÇADÃO

POR QUE BEBEM

NATAL EM LISBOA 

TV, BOMBRIL E SAÚDE MENTAL

ALCOOLISMO, ALCOÓLICOS ANÔNIMOS E A JUSTIÇA

UM TIRO NO FOOT

ATENDIMENTO AOS APRESSADOS

SE SE CALA O CANTOR

QUALIDADE PELO TELEFONE

LEMBRANÇAS DA FARDA CAQUI

SENTIR BRASÍLIA

UMA HOMENAGEM A LOIS

EM BUSCA DE UM AMIGO

COMÍCIO DA SÉ, 25 ANOS

MÉDICOS PRECIPITADOS

UMA SAUDADE A MAIS

ISRAEL BOMBARDEIA A HUMANIDADE

CUIDADO COM AS FLORES

ESPECIAL: SEU SEBASTIÃO - 92 ANOS DE BELAS HISTÓRIAS

RESSONÂNCIA HUMANIZADA

ESTUPIDEZ NO SHOPPING DO CARRO

MÉDICOS DE HOJE

MAIORIDADE AOS 16

HUMANIZAÇÃO EM LABORATÓRIOS

IMIGRAÇÃO E COLONIALISMO

TROTE - SOBRE CALOURADA DA UFRN

 ALGO INVISÍVEL NO ATENDIMENTO

DUARTE E SEU JOAQUIM

AL-ANON, UM RECURSO A MAIS PARA PROFISSIONAIS

EXPLICAÇÕES SOBRE A AUTO-HEMOTERAPIA  

O CLIENTE PERDIDO

CACHAÇA NO HOSPITAL

MEDICINA E ARTE

DESCULPAS INÓCUAS

NINGUÉM MERECE!

EVITE O PRIMEIRO ATRITO

PSICOLOGIA NO HOSPITAL

ESTUPIDEZ CONTUMAZ

O VENDEDOR DEZ EM UM

HUMOR NO ATENDIMENTO

GEOGRAFIA DA VENDA

AMIGO TAMBÉM ERRA

QUALIDADE NOS SERVIÇOS DE SAÚDE

MEDICINA DESUMANA

ATITUDES CORRETAS

 

A HIGIENIZAÇAO DO DOENTE

 

 
 

TOPO

MENU

INDIQUE SITES

CIDADES DO RN

FALE CONOSCO

 
 
 
História do Rádio