Artigos Técnicos
E-MAIL 


 

Devemos acreditar em Contos de Fadas

Andréia Gomes da Silva*

Jamais vou sentir ou saber, o que ela passou. Linda, meiga e carinhosa. Bela criança! Já carequinha, debilitada, mas ativa e curiosa, para aprender sempre... Quantas vezes tive a felicidade de oferecer-lhe algum conhecimento, seu nome, as letrinhas que representavam para ela muito mais do que posso imaginar. Sua vida, sua historia...

Historias... como gostava! Uma atrás da outra, sem parar. Tinha vontade de entrar no mundo da fantasia proporcionado pelos contos de fada; era quase insaciável o seu desejo. Aguardava ansiosa o fim da historia para ouvir “e viveram felizes para sempre...”

Ser feliz como nas historias era, acredito, o desejo de todos que a conheciam. Certa vez, no hospital, fiquei surpresa ao vê-la com a mão imobilizada devido ao soro - a mão direita. Mão com a qual ela fazia as tarefas. Para minha surpresa, ouvi dela “- Tia, eu faço com a outra mão. Eu sei!”

E como sabia... não apenas usar a outra mão, mas ensinar que se deve acreditar em contos de fadas e finais felizes, como tanto gostava.

* Andréia Gomes da Silva - Professora de B. C., de 6 anos, paciente da Casa Durval Paiva de Apoio à Criança com Câncer, que faleceu em 2006, vítima de câncer.

 

Marketing - Marketing na Internet, eBook Marketing, Email Marketing, Marketing Sites de Busca, Marketing Viral.

TOPO

MENU

INDIQUE SITES

CIDADES DO RN

FALE CONOSCO